Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz

Apresentação de músicas sacras ocorre nesta quinta-feira (23), às 20h30
Data de inclusão: 22/06/2022 17:51

Cinco corais de Itajaí se apresentarão nesta quinta-feira (23), às 20h30, em um concerto de música sacra que celebra a aquisição do novo órgão – Johannus Opus 20 – pela Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento. A apresentação será após a missa, com entrada franca, e contará com a participação de artistas convidados que tocarão no novo instrumento musical da Igreja Matriz.

O órgão é um Johannus Opus 20 fabricado na Holanda. Ele pertenceu à Catedral Basílica Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida (Capela São José). Trata-se de um órgão sampleado, que não é um órgão de tubos, mas é composto por dois manuais (teclados), uma pedaleira de trinta e duas notas e vários registros que reproduzem a sonoridade do órgão de tubos.

O instrumento musical recebeu a benção do pároco Pe. Éder Claudio Celva e ecoou oficialmente pela primeira vez na missa das 9h30 do dia 29 de maio. Agora, os corais cantarão em volta do órgão, que será tocado pelos instrumentistas Alberto Damián Montiel e Samuel Aubourg. Participarão do concerto os seguintes grupos: Coral Litúrgico do Santíssimo Sacramento, Associação Coral Villa-Lobos, Coro Carpe Diem, Coral da Igreja Luterana e Coro Vozes do Vale.

Como o órgão está instalado no coro (mezanino) da igreja, haverá transmissão em tempo real na lateral do altar para o público assistir a apresentação ao vivo. 

Sobre os corais participantes

A música sempre esteve presente na Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento de Itajaí, desde a sua fundação em 1955. Em dezembro de 1981, se constituiu o Coral Litúrgico do Santíssimo Sacramento. Desde então, o grupo exerce atividades de forma gratuita e ininterrupta, tanto na música sacra quanto na religiosa. Ao longo da sua história, contou com a fundamental colaboração dos regentes, entre os quais: Valmor Kreusch, Normélio Weber, Telmo Tomio, Jair Maciel Rosa e Marcos Domingos. Atualmente, está constituído por 15 componentes, sob a regência de Mário Uriarte Neto e é acompanhado pelo pianista Samuel Aubourg.

A Associação Coral Villa-Lobos foi fundada em 1974. Teve como regente, até 2021, o maestro Jair Maciel Rosa (in memorian). Hoje está sob a regência de Alberto Damian Montiel, com acompanhamento do pianista Jonathan da Silva. O grupo tem repertório eclético e participa de eventos tradicionais da cidade e região, a exemplo do projeto Música no Museu, Noite dos Candelabros e o Natal EnCanto.

O Coro Carpe Diem, fundado em 1986, é uma iniciativa de Emmanuel Osiris Sezerino, apoiada por seus pais: Carmen Pitz Sezerino e Paulo Sezerino. Inicialmente com trabalho com crianças. A evolução foi crescente. Em 1992, foi convidado e cumpriu as metas para ingressar na Federação Nacional dos Meninos Cantores do Brasil. Seu repertório é constantemente renovado em função de suas múltiplas participações em diversas ligas e associações de canto coral. Tem uma longa trajetória de concertos, organização e realização de eventos na cidade de Itajaí e região. É formado atualmente por 20 cantores, sob a regência, desde a fundação, do maestro Paulo Sezerino.

O Coral Luterano, da Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de Itajaí (IECLB), iniciou suas atividades entre 1976 e 1977, época em que a maestrina Emília Probst tomou a iniciativa de convidar pessoas para participar do grupo atual. Atuaram como regentes do grupo: Emília Probst, Erno Schlenker, Clarice Decker, Ruth Maier e Jair Maciel Rosa. O repertório está focado na música sacra. Em 2021, Lilian Lucindo, que atuava como pianista do grupo, assumiu a regência após o falecimento de Jair Maciel Rosa.               

O Coro Vozes do Vale foi criado em março de 1994, por Henrique Antônio Effting, que reuniu um grupo de amigos e fundou a Associação Coral Vozes do Vale, inicialmente um coro litúrgico católico. Posteriormente, foram acrescentadas ao repertório músicas de diferentes estilos e nos dias atuais, o grupo interpreta preferencialmente música clássica: ópera, música sacra erudita e canções  antigas. Tem reconhecida trajetória de concertos na cidade de Itajaí e região, sendo seu objetivo divulgar a música coral erudita e o canto lírico a todos os públicos. Até 2021, foi regido por Nilton Silva, vítima da covid-19. Atualmente, é composto por 30 cantores, sob a regência do maestro Fernando de Carli.

Imagens relacionadas

Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz
Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz
Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz
Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz
Concerto de corais celebra aquisição de novo órgão da Igreja Matriz
Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Todos os direitos reservados © 2022 - Município de Itajaí