Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Itens da cesta básica podem variar até 270% em Itajaí

Procon pesquisou os preços em oito supermercados entre os dias 03 e 04 de dezembro
Data de inclusão: 06/12/2018 16:26

Um pacote de papel higiênico com quatro rolos de 30 metros pode ser encontrado em Itajaí pelo preço R$ 1,89 ou R$6,99 em diferentes mercados, uma alteração de 269,8%. A diferença foi encontrada pelos fiscais do Procon de Itajaí em pesquisa realizada com os 22 itens da cesta básica entre os dias 03 e 04 de dezembro em oito supermercados. O órgão também comparou o preço de 32 produtos específicos de grandes marcas.

O preço da cesta básica, composta pelos itens mais baratos em todos os mercados, custaria R$ 72,34 e com os itens mais caros sairia por R$ 127,00. Uma diferença de 75,56%, o que representa R$ 54,66 no bolso do consumidor. A cesta básica é composta pelo quilo do açúcar; arroz; farinha de trigo; feijão; banana caturra; batata lavada; cebola; tomate; carne (patinho); sabão em barra e em pó; pão francês; café; margarina; macarrão; desinfetante; leite; óleo de soja; pasta de dente e sabonete; papel higiênico com quatro rolos; ovos.

Dentre os produtos da cesta básica, o quilo do sabão em pó e o sabonete de 90 gramas também apresentaram mais de 200% de diferença entre o preço mais alto e o mais barato. O mesmo sabão está nas prateleiras por R$ 6,59 e R$ 2,15. Já o sabonete pode custar R$ 0,55 ou R$ 1,69. Entre as menores variações estão os preços do óleo de soja e quilo do pão francês, com diferença de 40%.

Grandes marcas
Na compra entre todos os itens de grandes marcas, com os preços mais baixos, a despesa sairia por R$ 189,91. Já com os produtos de maior valor na etiqueta, o carrinho custaria R$ 308,05, uma variação de 62%.

A picanha e a esponja de aço também apresentaram diferença de preço superior a 110% entre o mais caro e o mais barato. O quilo do corte nobre de carne bovina varia entre R$ 22,98 e R$ 49,99, uma diferença de R$ 27, 01. A esponja de aço pode sair por R$ 1,09 ou R$ 2,35, uma variação de 115,6%. A Coca-Cola de dois litros é o produto que apresenta a menor diferença de preço, sendo encontrado de R$ 5,99 a R$ 6,79.

Fiscalização constante
O Procon de Itajaí realiza pesquisas regulares sobre o preço dos alimentos, combustíveis e alimentos orgânicos. Em ocasiões sazonais como a Black Friday, a Páscoa e o Natal também são pesquisados os preços. O órgão municipal destaca a importância da pesquisa de preço para o orçamento doméstico. Alerta aos consumidores para ficarem atentos não só com o preço, mas também com a data de validade dos produtos, em especial as ofertas.

De acordo com a lei estadual n. 13.098/04, os estabelecimentos que vendem gêneros alimentícios devem a divulgar a data do vencimento dos produtos incluídos em promoções. O Código de Defesa do Consumidor também determina que a oferta e a apresentação de produtos contenham informações claras e ostensivas sobre as características, preços e prazos de validades, dentre outras informações. 
_________________________
Informações adicionais:

Procon
(47) 3348-6906

Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Rua Alberto Werner, 100
Bairro: Vila Operária
Itajaí (SC)
CEP: 88304-900
(47) 3341 6000
08h às 19h de segunda a sexta-feira
13h às 19h de segunda a sexta-feira
Todos os direitos reservados © 2018 - Município de Itajaí